Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2016

A bússula e o relógio

IMG_2044.JPG

 

Confirmo com uma bússola: estou virado a Oeste. Não sei se isso me orienta ou desorienta; a magnitude deste lugar - mar adentro - faz-me sentir vivo e acordado. Pequeno ao pé desta imensidão onde estou mergulhado mas, afinal, é essa mesmo a minha, nossa, condição. Quando ponho os pés no chão, olho o horizonte e sinto o perfume da terra, sei que hoje estou no lugar certo.

Basta que, sem grande esforço, a mente não se deixar levar pelo vento que roda o Cabo e serpenteia pelos cortes e recortes de uma costa maciça como a verdade da vida. Olho para o relógio, adiantado na hora, e sei que ainda não é tempo. Mas vai ser.

publicado por manuelcastro às 09:42
link do post | comentar | favorito

.arquivos